sexta-feira, dezembro 09, 2005

Purple Haze


Graças a esse grande milagre dos tempos modernos que é o E-Mule, a colecção de música que acumulo no computador já vai numas interessantes 101h. Isso implica que algumas músicas são raramente ouvidas. Ultimamente ganhei o hábito de ligar o Media Player e deixar o computador correr a biblioteca de músicas aleatoriamente. Às vezes ligo o programa e começa uma música que já não ouvia à bastante tempo. É um pouco como reencontrar um velho amigo!
Ontem cheguei a casa exausto, liguei o computador mais para ouvir música do que para fazer qualquer outra coisa. Eis que o Media Player deita cá para fora o grande Jimy Hendrix a tocar o mítico “Purple Haze”. Grande música! Aquele homem tocava a guitarra como ninguém, sou incapaz de não ficar aqueles quase 3 minutos a apreciar os acordes que ele tira do instrumento.

Viva o E-Mule e a cultura para todos! Viva o Hendrix e a sua guitarra!

5 comentários:

Lótus Azul disse...

Realmente o E-mule é uma invenção extrordinária, que me faz pensar na quantidade de dinheiro e tempo que andei a gastar em cd's.

Lá em casa, neste momento o computador faz de aparelhagem, e isso deixa-me a pensar, como as coisas fáceis tiram alguma magia à vida.

Acreditas, que por saber que tudo o que quero ouvir está mesmo ali à mão de semear, sinto falta do ritual de procurar "aquele" CD que me apetecia desesperadamente ouvir, e depois lembrar-me que o emprestei a não sei quem, e depois ligo a não sei quem a pedir que mo devolva, e depois temos que ir beber um café para a devolução do CD, e... entretanto enquanto procurei o tal CD e não encontrei, encontrei outro que já nem me lembrava que tinha e que me remete para um tempo passado que não estava a contar naquele dia... e essas merdas todas.

Viva o E-mule, ...anyway!

Pedro disse...

Sim. É incrivel como as músicas nos conseguem relembrar de épocas passadas, acontecimentos passados, pessoas quase esquecidas, etc.

Paulo disse...

é tudo muito bonito, mas à conta disso cada vez menos se dá importância às bandas e aos álbuns. limitamo-nos a fazer uma colecção de "one hit wonders" e de singles de sucesso. uma espécie de "entra porco, sai chouriço".

actualmente, acho que muito pouca gente da nova geração é capaz de apreciar verdadeiramente a história da música. pessoalmente, tenho muita pena de não ter tempo para procurar e ouvir os cds "clássicos" que sempre quis arranjar...

Pedro disse...

Mas quando saco musicas do e-mule geralmente eu saco albuns inteiros, tu não?
Acaba por me acontecer o inverso, vou à procura de certo album por causa de uma música e fico a conhecer uma série de músicas do mesmo album que não conhecia!

Paulo disse...

eu não tenho direito a nada. primeiro, não consigo instalar nada no computador. segundo, mesmo que conseguisse, podiam correr comigo daqui se me apanhassem a fazer downloads de músicas. é aquilo a que se chama uma "sackable offence"...

(mas sim, quando saco alguma coisa é álbum inteiro. geralmente uns atrás dos outros...)