terça-feira, setembro 05, 2006

Finanças em Portugal

Numa casa sem condições nenhumas vivia um casal sem empregos que tinha dois filhos sem nada para comer, que estudavam numa escola sem qualidade e, quando adoeciam, tinham de se contentar com um hospital sem médicos.

Um dia chegou lá a casa o fiscal das finanças e disse:
100, mais 100, mais 100, mais 100, mais 100 dá 500. Agora paguem seus caloteiros.

1 comentário:

Zorze disse...

Excelente post! É a triste realidade de quem vive com a corda presa ao pescoço. Um forte abraço!!