quinta-feira, novembro 17, 2005

Quintas-feiras culturais XII

Estou incrivelmente cansado. Não estou a falar em termos metafóricos, estou mesmo fisicamente cansado, os ultimas dias foram bastante cansativos, dormir pouco e acordar cedo não faz bem a ninguém. Em homenagem ao meu cansaço, aqui fica um poema sobre cansaço.

O que há em mim é sobretudo cansaço

O que há em mim é sobretudo cansaço
Não disto nem daquilo,
Nem sequer de tudo ou de nada:
Cansaço assim mesmo, ele mesmo,
Cansaço.


A subtileza das sensações inúteis,
As paixões violentas por coisa nenhuma,
Os amores intensos por o suposto alguém.
Essas coisas todas -
Essas e o que faz falta nelas eternamente -;
Tudo isso faz um cansaço,
Este cansaço,
Cansaço.

Há sem dúvida quem ame o infinito,
Há sem dúvida quem deseje o impossível,
Há sem dúvida quem não queira nada -
Três tipos de idealistas, e eu nenhum deles:
Porque eu amo infinitamente o finito,
Porque eu desejo impossivelmente o possível,
Porque eu quero tudo, ou um pouco mais, se puder ser,
Ou até se não puder ser...
E o resultado?

Para eles a vida vivida ou sonhada,
Para eles o sonho sonhado ou vivido,
Para eles a média entre tudo e nada, isto é, isto...
Para mim só um grande, um profundo,
E, ah com que felicidade infecundo, cansaço,
Um supremíssimo cansaço.
Íssimo, íssimo. íssimo,
Cansaço...


Álvaro de Campos

3 comentários:

Ju disse...

Eu tb ando cansada e adorei o poema! :)

Lótus Azul disse...

Gostei muito do poema, que não conhecia, mas não estou assim tão cansada como vocês os dois e Álvaro. Estou com a quantidade normal de cansaço para uma quinta-feira (cultural ou não). A modos que já se vão notando uma olheiras, e alguns bocejos a meio da tarde, mas de resto, vou-me aguentando... e se acharem que vos estou a cansar com esta conversa digam, porque como não estou assim tão cansada, não tenho a noção de estar a maçar pessoas mais cansadas do que eu e tal... ;)

Beijinhos aos dois (Pedro e Ju), e já agora mando também um ao Álvaro Campos... e se mais alguuém quiser beijinhos é só pedir... ufff, agora acho que já estou um bocadinho mais cansada... mas ainda assim nada de especial.

Filipe disse...

Bolas, tava a ver que não!! FINALMENTE escolheste alguma coisa que vale realmente a pena. Bem vindo o cansaço!