sexta-feira, julho 03, 2009

Silly season

Em Portugal um ministro foi despedido por fazer sinal de cornos a um deputado.

Nas Comores uma criança que não sabia nadar sobreviveu à queda de um avião em pleno oceano.

No Afeganistão o exército americano, esse corpo de jovens imberbes que passa metade do tempo high, invade a principal zona de produção de ópio do país.

Nas Honduras um imbecil tentou copiar o 25 de Abril, mas ao contrário. Fez um golpe de estado militar sem sangue, mas contra um governo democraticamente eleito e apoiado pelo do povo.

Em Espanha a primeira vítima mortal da gripe A não morreu de gripe.

Em Madrid um clube já gastou 200 milhões de euros em jogadores só no último mês.

E em Barcelona eu passei três dias a analisar um ficheiro de dados que tinha um erro infantil.


Diz que é a silly season...

2 comentários:

Ju disse...

LOL! Bom resumo da época. A ver se continua a silyness.

Pedro disse...

O Verão promete... ;)